Airbus A350 da LATAM: companhia escalou o novo jato para substituir o 767 na rota entre São Paulo e Lisboa (Clément Gruin)

Revelada há um mês, a troca de aeronave que faz a rota São Paulo-Lisboa na LATAM deverá ampliar significativamente a oferta de assentos a partir de fevereiro de 2020. Nesse mês, a companhia aérea passará a realizar o voo diário entre Guarulhos e a capital de Portugal com jatos Airbus A350-900 e que substituirão os atuais Boeing 767-300ER utilizados desde a estreia do voo.

A troca de aeronaves está marcada para o dia 03 de fevereiro nos voos LA8146 (Guarulhos-Lisboa) e LA8147 (Lisboa-Guarulhos), expandindo a oferta semanal de assentos para 2.436 lugares em cada sentido. A partir deste mês, a LATAM passa a voar diariamente para Lisboa com o 767, elevando a oferta semanal para 1.547 lugares. Com o Airbus, esse volume de lugares crescerá 57% e ampliará sobretudo a classe econômica, saltando de 191 assentos para 318 lugares, incluindo aí as poltronas Space+, com espaço de 36 polegadas.


A mudança de estratégia nesse mercado é uma resposta ao domínio da rival TAP que hoje oferece 20 voos semanais na rota, todos eles operados pelo novo A330-900neo, cuja frota é a maior do mundo atualmente. Com 298 assentos, o jato da Airbus permite que a companhia aérea portuguesa ofereça quase 6.000 lugares semanais por sentido. Ou seja, o avanço da LATAM é grande, mas ainda modesto em relação à força da TAP.

Boeing 767-300ER: capacidade muito inferior ao A350 (FAB/Sgt. Batista)

A350 limitados

Para dar conta da demanda para Lisboa, a LATAM teria reduzido a disponibilidade do A350 na rota entre São Paulo e Frankfurt. Hoje realizada com o Boeing 777-300ER, ela passaria a ser feita com o Airbus exclusivamente a partir de 28 de outubro. De acordo com o site Routes Online, no entanto, agora os voos serão alternados entre os dois modelos de aviões.

Embora tenha ampliado a presença do jato mais avançado da Airbus em sua frota, a LATAM decidiu que manterá apenas nove aeronaves ativas, repassando futuras encomendas para a Delta Air Lines, dentro do acordo que as duas empresas anunciaram de forma inesperada na semana passada. Hoje, parte dos A350 da LATAM também voa com outra parceira, a Qatar Airways.


A TAP voa com o novo A330-900neo em todas as 20 frequências semanais entre Lisboa e Guarulhos (Airbus)

Veja também: Voois da LATAM para Lisboa serão diários a partir de outubro