As três versões do 787 na United: primeira companhia do mundo a voar com todos eles (United)

A United Airlines confirmou nesta semana que passará a voar entre São Paulo (Guarulhos) e Chicago com o novo Boeing 787 em 2020. O anúncio ocorreu em um encontro de executivos da companhia aérea norte-americana com a imprensa do setor de turismo. Atualmente operado com o Boeing 777, a rota passará a contar com a aeronave mais avançada no segundo semestre, mas a diretora da United no Brasil, Jaqueline Conrado, não revelou uma data exata.

O aeroporto O´Hare, em Chicago, é o mais importante hub da United Airlines nos Estados Unidos e São Paulo é a única cidade na América do Sul conectada a ele atualmente. Resta saber qual das três versões do 787 utilizadas pela companhia aérea será escalada na rota. A United possui hoje 46 jatos Dreamliner, 12 da versão 787-8 (219 lugares), 25 do modelo 787-9 (252 assentos) e nove do 787-10 (318 poltronas em quatro classes).


Como se sabe, o 787 possui uma capacidade relativamente menor que o 777-200, hoje usado nesse voo. No entanto, parece bastante provável que a versão 787-8, menor das três, não deverá ser escalada porque resultaria numa redução significativa da oferta de assentos na rota, a despeito do maior conforto oferecido pelo jato da Boeing.

Durante a conversa com a imprensa, Jaqueline ressaltou o fato de a United ter crescido na região enquanto suas concorrentes norte-americanas reduziram sua presença. Hoje, a companhia voa de São Paulo para Nova York, Washington, Houston e Chicago com aviões 767 e 777 enquanto do Rio de Janeiro há um voo para Houston com aviões 767-400.

Polaris

Além de ter mudado recentemente seu padrão de pintura, a companhia tem trabalhado para renovar o interior de seus aviões ao introduzir a classe Polaris. Segundo a diretora da United, 60% das aeronaves já estão equipadas com a nova classe, que oferece mais conforto e tecnologia a bordo. A meta é concluir a transformação da frota até o final de 2020.

Com informações do Pan Rotas.

Classe Polaris, da United: novo padrão já está em 60% da frota (United)

Veja também: American Airlines confirma retorno do voo sazonal entre o Rio e Nova York