A TwoFlex possui a maior frota de Cessna Grand Caravan do Brasil, com 18 aparelhos em serviço (Divulgação)

Jacarepaguá não fica mais longe “pra caramba” de São Paulo, ao menos para quem for de avião. Companhia entrante no aeroporto de Congonhas, a Two Flex recebeu nesta quarta-feira (11) a autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar a “Ponte Barra” entre os aeroportos de Congonhas, na capital paulista, e Jacarepaguá, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Os voos começam em 28 de outubro, informou a empresa.

O trecho será operado de segunda a sexta-feira, com três horários de partida do Rio e outros três de São Paulo, em monomotores Cessna Grand Caravan, para nove passageiros.


“Queremos atender os mais de 700 mil moradores da Barra da Tijuca, que passarão a ter uma nova opção de deslocamento aéreo para São Paulo, principalmente para viagens de negócios”, disse Rui Aquino, presidente da Two Flex.

Segundo registros da Anac, os voos da Two Flex partirão de Jacarepaguá às 6h, 10h40 e 17h10. Já os trechos de volta decolam de Congonhas (a partir da pista auxiliar) às 7h45, 12h40 e 19h.

Os passageiros da Ponte Barra poderão despachar bagagem com até 23 kg e embarcar na aeronave com uma mala de mão pesando no máximo 10 kg.

Os bilhetes para o voo entre Jacarepaguá e São Paulo custarão a partir de R$ 550 e o início das vendas está programado para primeira semana de outubro.

A Two Flex foi uma das companhias aéreas que herdou parte dos slots em Congonhas que pertenciam à Avianca Brasil, hoje em situação pré-falimentar. A empresa recebeu 14 horários diários de partida e chegada no aeroporto central de São Paulo.

Veja mais: LATAM anuncia codeshare com a Finnair, da Finlândia