A SAS voará com o A350 para Chicago (Airbus)

Prestes a completar cinco anos em serviço, em janeiro de 2020, o A350 passou a contar com mais um operador nesta quinta-feira (28), a Scandinavian Airlines (SAS). O jato de nova geração é da variante A350-900 e parte de uma encomenda de oito aviões. Com o registro SE-RSA, a aeronave está configurada com 300 assentos, 40 deles na classe executiva “SAS Business”, 32 na “SAS Plus” e 228 na econômica “SAS Go”.

O A350 da SAS é também o primeiro avião da companhia a exibir o novo padrão visual revelado em setembro em que foi dado mais destaque para o tom azul sobre um fundo prateado. O primeiro jato da empresa começará a operar em 28 de janeiro na rota entre Copenhague e Chicago.


33 operadores

Segundo a Airbus, o A350 possuía até o final de outubro 913 encomendas firmes, mas o total já beira os 1000 aviões afinal a Emirates Airline anunciou um acordo com a fabricante durante o Dubai Airshow para 50 A350-900.

Até o mês passado, existiam 319 jatos em operação no mundo, total que subiu em novembro graças às novas entregas como a feita para a Fiji Airways. Atualmente, o widebody de nova geração faz parte da frota de 33 companhias aéreas e reúne cerca de 328 jatos, além de ter quatro unidades em operação por clientes não revelados pela Airbus.

A Fiji Airways recebeu o primeiro de dois A350 arrendados em novembro (Airbus)

E a lista deve crescer em breve já que o A350 possui outros 18 clientes à espera pelos primeiros aviões. Entre as encomendas mais significativas estão a da Turkish Airlines (25 A350-900), Aeroflot (14 A350-900) e a United Airlines, que possui um grande pedido de 45 jatos A350-900 fechado em 2017. No entanto, a companhia aérea norte-americana ainda não tem previsão de recebê-los.

No Brasil, o A350 é operado apenas pela LATAM que abriu mão de parte do pedido para arrendá-lo para a Qatar Airways, maior operadora do jato no mundo atualmente. A Azul e a Avianca também chegaram a fechar contratos de leasing pelo modelo, mas acabaram mudando de ideia.

A United Airlines é uma das 18 companhias aéreas que ainda esperam pelo A350 (Airbus)

Veja quais companhias aéreas operavam o A350 até novembro:

 

Companhia aérea A350-900 A350-1000 Total
Air Caraibes 3 3
Air China 10 10
Air France 2 2
Air Mauritius 2 2
Asiana 10 10
British Airways 3 3
Cathay Pacific 24 12 36
China Airlines 14 14
China Eastern Airlines 6 6
China Southern Airlines 5 5
Delta Air Lines 13 13
Ethiopian Airlines 13 13
Etihad Airways 4 4
Evelopo Airlines 1 1
Fiji Airways 1 1
Finnair 14 14
French Bee 3 3
Hainan Airlines 4 4
Hong Kong Airlines 6 6
Iberia 6 6
Japan Airlines 4 4
Latam Airlines 8 8
Lufthansa 15 15
Malaysia Airlines 6 6
Philippine Airlines 6 6
Qatar Airways 38 10 48
SAS 1 1
Sichuan Airlines 4 4
Singapore Airlines 43 43
South African Airways 3 3
Thai Airways 12 12
Vietnam Airlines 14 14
Virgin Atlantic 4 4
Não revelado 4 4
Total 295 33 328

 

Veja também: Para atender alta demanda na Ásia, Airbus vai finalizar o A350 na China