Embraer Phenom 100

A Embraer efetuou a primeira entrega do jato Phenom 100, no dia 24 de dezembro, em São José dos Campos,
Estado de São Paulo. A aeronave, que pousou dia 31 nos EUA, após completar vôo de traslado, foi certificada recentemente pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), no Brasil, e pela Federal Aviation Administration (FAA) nos Estados Unidos.

“Que dia emocionante! Foi para isto que trabalhamos desde maio de 2005, quando lançamos o Phenom 100”, disse Luís Carlos Affonso, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Executiva. “É uma honra entregar o primeiro Phenom100 para Jim e Betsy Frost, que estão conosco desde o primeiro dia, não somente como clientes, mas também como colaboradores de inestimável valor, integrando o conselho consultivo do programa.”


James e Elizabeth Frost, os primeiros clientes de Phenom 100, residem em Houston, Texas, nos Estados Unidos, onde Elizabeth administra o negócio da família, nas áreas de imóveis e mineração, e James dirige projetos de novos negócios. James é piloto desde os 16 anos e Elizabeth, que começou a pilotar nas montanhas do Estado do Colorado, é uma Instrutora de Voo Certificada com milhares de horas de vôo registradas nos últimos 15 anos.
“O Phenom 100 é rápido, fácil e divertido de se pilotar. Voá-lo por ocasião do treinamento no Texas e no Brasil proporcionou-me grande satisfação em muitos anos”, afirmou Elizabeth Frost. “Desejávamos um avião com o qual pudéssemos divertir nossa família e nossos amigos, em rápidas viagens entre Houston e Colorado, assim como outros destinos, e com amplo espaço para bagagem. O sistema aviônico Prodigy é realmente fácil de se operar e muito amigável, sempre propiciando total consciência situacional do vôo.”

“O Phenom 100 é fabuloso! O alto nível de automação o torna um ótimo jato para operação por um único piloto e, como proprietário-operador, estou fascinado pela fenomenal cabine de pilotagem”, disse James Frost. “O Phenom 100 é capaz de completar nossa missão padrão utilizando menos combustível e em muito menos tempo que o turboélice que estará substituindo. Estamos ansiosos por tirar partido dos benefícios do avançado projeto digital da aeronave, gerando menores custos de manutenção e menos tempo parado.”

Após o sucesso do Legacy 600, o jato da categoria entry level Phenom 100 foi lançado em 2005, juntamente com o jato light Phenom 300, confirmando o compromisso da Embraer com o mercado da aviação executiva. Em 2006, a Empresa introduziu o ultra-large Lineage 1000, jato que já foi certificado e começará a ser entregue no início de 2009. Em 2008, o Legacy 500 e o Legacy 450 foram lançados nas categorias midsize e midlight, e estão programados para entrar em serviço em 2012 e 2013, respectivamente.

O projeto, o desenvolvimento, a certificação, e a primeira entrega do Phenom 100 levaram pouco mais que três anos e meio, um feito significativo para este tipo de indústria. A certificação brasileira foi concedida pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), em 9 de dezembro de 2008. A Embraer também recebeu da mesma agência o Certificado de Homologação de Empresa (CHE) para produzir o Phenom 100. A certificação da European Aviation Certification Agency (EASA) é aguardada para o segundo trimestre de 2009. Uma segunda aeronave Phenom 100 foi entregue no dia 29 de dezembro, em São José dos Campos.