Airbus A350 da LATAM: revezamento na rota SP-Orlando (Ken Fielding)

Entre os mais procurados destinos do turista brasileiro, a cidade de Orlando na Flórida (EUA) é hoje atendida por inúmeras companhias aéreas brasileiras e americanas. Por essa razão, o serviço encontrado é bastante variado e para todos os gostos. Mas no caso da LATAM , alta temporada do inverno americano promete ser ainda mais “surpreendente” se o passageiro não ficar atento ao bilhete comprado.

A razão é que a companhia fará um revezamento de aeronaves na rota São Paulo-Orlando a partir de 28 de outubro e que durará até 02 de março de 2019. Nesse período, a LATAM usará na rota os aviões Boeing 767-300, 777-300 e o novo Airbus A350-900. São jatos de corredor duplo com características bastante diferentes e com layouts internos também variados.


Hoje o voo 8086/8087 é operado justamente pelo A350, que possui 348 assentos em três classes – 30 na executiva, 300 na econômica e 18 na econômica “Space+” com distância entre fileiras de 91 cm contra quase 79 cm da poltrona comum. O Airbus também oferece um ambiente mais arejado com um sistema de pressurização que mantém o ar da cabine mais úmido – além de trazer janelas maiores e um sistema mais moderno de entretenimento.

Mas a partir do dia 28 de outubro, segundo o site Routes Online, o A350 dará lugar ao 767-300, hoje a base das rotas internacionais da empresa. Com menos capacidade, o Boeing pode transportar 221 passageiros (30 na executiva e 191 na econômica) ou 215 passageiros (30 na executiva, mais 4 na Space+ e 171 na econômica), dependendo da aeronave. O 767 ficará em serviço na rota até 15 de dezembro quando o A350 voltará a ser usado durante a virada do ano.

Em 1º de fevereiro será a vez o Airbus dar lugar ao 777-300, maior avião intercontinental da LATAM. Com ele a capacidade do trecho aumentará: são 379 lugares (56 na executiva e 323 na econômica), mas sem a presença da econômica “Space+” e com um layout interno mais antigo – a empresa deve modernizar o interior desse jato em breve.

O “triple seven” ficará por cerca de um mês entre São Paulo e Orlando até que no dia 2 de março o Airbus A350 retoma o serviço já no final da alta temporada.

Veja também: Novas rotas internacionais para o Brasil estrearam em julho