A Latam vai operar o A320neo em rotas domésticas e internacionais na América do Sul (Airbus)

A Latam vai operar o A320neo em rotas domésticas e internacionais na América do Sul (Airbus)

O grupo Latam Airlines recebeu nesta segunda-feira (29) seu primeiro jato A320neo, na fábrica da Airbus em Toulouse, na França. A companhia, formada pela fusão das empresas Lan Chile e Tam, será a primeira das Américas e quinta no mundo a operar a nova geração da aeronave – o cliente lançador do aparelho foi a empresa alemã Lufthansa.

Como informou a Latam, o primeiro A320neo do grupo decolará de Toulouse nesta terça-feira (30), e chegará ao Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, amanhã (31). Os primeiro voos comerciais do novo jato começam em setembro, inicialmente em rotas domésticas no Brasil, e, a partir de novembro, o modelo será operado em rotas internacionais na América do Sul.


“O passageiro da Latam terá a oportunidade de ser o primeiro do continente a voar na mais nova aeronave da Airbus, o que demonstra o nosso comprometimento em oferecer a frota com tecnologia mais avançada, eficiente e confortável”, afirmou Enrique Cueto, CEO do Grupo LATAM Airlines. Na mesma cerimônia de entrega, a companhia também recebeu seu quarto A350, o primeiro com a nova imagem do grupo.

“Ao longo dos anos, Airbus e LATAM cresceram juntas e hoje são parceiras no dinâmico mercado de aviação na América Latina. Por este motivo, estamos especialmente orgulhosos pelo fato de que o primeiro A320neo nas Américas voará com a identidade Latam”, afirma Fabrice Brégier, presidente e CEO da Airbus.

O A320neo vai voar no Brasil com as cores da Latam, Azul e Avianca (Airbus)

O A320neo vai voar no Brasil com as cores da Latam, Azul e Avianca (Airbus)

O A320neo da Latam está configurado com 174 assentos com largura de 45 cm. As companhias Azul e Avianca também encomendaram o novo jato da Airbus.

A nova família A320neo incorpora novas tecnologias aeronáuticas que reduzem o consumo de combustível em até 15%, comparado ao desempenho da série atual. Os principais componentes de nova geração são os “sharklets”, dispositivos aerodinâmicos montado nas pontas das asas e o motores mais eficientes.


O A320neo mantém praticamente o mesmo desempenho, mas com menor consumo e maior alcance (Divulgação)

O A320neo mantém praticamente o mesmo desempenho, mas com menor consumo e maior alcance (Divulgação)

Veja mais: Terceiro protótipo do Embraer E190-E2 realiza voo inaugural