Transferindo 1.500 litros por minuto, o KC-390 pode reabastecer um F-5 em menos de dois minutos (FAB)

O KC-390 da Força Aérea Brasileira (FAB) já está habilitado para realizar missões de reabastecimento em voo (REVO) de caças F-5 e A-1. Os testes com transferência de combustível em voos diurnos e noturnos foram realizados no último trimestre com equipes da FAB das bases aéreas de Canoas (Ala 3) e Santa Maria (Ala 4), ambas no estado do Rio Grande do Sul.

Em 2017, o KC-390 já havia realizado os primeiros testes de “contato seco” com caças da FAB. Nesse tipo de operação as aeronaves se conectam, mas não há a transferência de combustível.


O cargueiro multimissão da Embraer, batizado recentemente como C-390 Millennium, pode reabastecer outras aeronaves em voo através de duas sondas montadas nas asas, fornecendo até 1.500 litros de combustível por minuto. Nesse ritmo é possível completar os tanques internos do F-5 e do A-1M em menos de dois minutos.

Utilizando três tanques extras, o KC-390 pode transportar um total de 35 toneladas de combustível – a capacidade standard da aeronave é de 23 toneladas. Segundo dados da Embraer, o avião é capaz de realizar operações de reabastecimento aéreo em velocidades entre 220 km/h e 560/kh em altitudes variando de 610 metros até 9.750 m.

Em contato com o Airway, a FAB declarou que todos os KC-390 encomendados (28 unidades ao todo) poderão ser equipados com os equipamentos de REVO. Até então, essa função era realizada apenas por dois KC-130, versão do veterano C-130 Hercules para operações de reabastecimento aéreo.

Futuramente, o KC-390 também poderá reabastecer os caças F-39 Gripen (FAB)

A FAB ainda acrescentou que pretende iniciar as provas de REVO do KC-390 com helicópteros H-36 Caracal a partir do próximo ano. O cargueiro militar da Embraer também é projetado para ser reabastecido em voo, mas a força aérea ainda não estipulou um prazo o início desses testes. Futuramente, a aeronave também poderá reabastecer os caças F-39 Gripen.

Por questões de “caráter estratégico”, a FAB não divulga quantos caças o KC-390 pode reabastecer em uma única surtida.

O primeiro KC-390 foi recebido à FAB em setembro deste ano, em cerimônia realizada na base de Anápolis (GO). Um segundo aparelho deve ser entregue à Aeronáutica até o final deste ano.

Veja mais: Emirados Árabes Unidos encomendam avião militar projetado no Brasil