O 737 MAX 8 da Gol é configurado para transportar até 186 passageiros (Gol)

O 737 MAX 8 da Gol é configurado para transportar até 186 passageiros (Gol)

A Gol anunciou nesta sexta-feira (29) a abertura de seu 14° destino internacional, com voos diretos de São Paulo para Quito, no Equador. O início das operações está previsto para dezembro deste ano, com três saídas semanais entre os dois países, com decolagens do aeroporto internacional da Guarulhos (SP). A companhia será a única empresa aérea a operar nessa rota sem escalas ou conexões.

“A nova rota faz parte da estratégia de expansão internacional da GOL. A partir de dezembro ampliamos a atuação da companhia para 10 países atendidos na América do Sul, Caribe e Estados Unidos. Os voos para Quito, no Equador, complementam os destinos que já oferecemos, além de possibilitar a conectividade dos nossos clientes equatorianos com os 700 voos diários da companhia e demais operações das empresas parceiras”, afirma Celso Ferrer, vice-presidente da planejamento da Gol.


As rotas serão realizadas com as novas aeronaves Boeing 737 MAX 8, recém-incorporada a frota da empresa. De acordo com a companhia, os voos para o Equador vão oferecer aos passageiros conexão com internet e serviço de bordo gratuito, com bebidas e refeições.

“O novo voo operado pela GOL aumenta a lista de destinos sul-americanos que partem do GRU Airport, que já conta com outras dez cidades na região. Com Quito, GRU Airport dá também mais um passo no caminho de se consolidar como o maior aeroporto da América do Sul e o principal hub do País”, afirma o presidente do GRU Airport, Gustavo Figueiredo.

Os bilhetes estarão disponíveis em breve para compra em todos os ​canais da companhia, informou a Gol.

Veja mais: Boeing apresenta conceito de avião comercial hipersônico