A Flybondi está de olho em 13 destinos no Brasil (Divulgação)

A Flybondi estreou na Argentina em janeiro de 2018 (Divulgação)

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) publicou, no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (15), a autorização de funcionamento da empresa aérea argentina FB Líneas Aéreas S.A, a Flybondi. A companhia low-cost iniciou suas operações na Argentina em janeiro de 2018 e tem atualmente uma frota com sete jatos Boeing 737-800NG e deve contar com 10 aeronaves até no final deste ano. As principais bases da empresa são Buenos Aires e Córdoba.

Segundo comunicado da ANAC, a autorização é “para que a empresa se constitua no país e possa oferecer serviço de transporte aéreo internacional regular de passageiro, carga e mala postal”. Para dar início às operações, a companhia ainda precisa da autorização operacional.



A companhia argentina tem planos ambiciosos para o mercado brasileiro. Em 2017, o ministério do trasnsporte da Argentina autorizou a concessão por 15 anos para 85 rotas aéreas à empresa. Na lista de voos previsto pela Flybondi, 26 deles serão para o Brasil, partindo de diferentes cidades argentinas. O grupo também planeja voos para o Uruguai, Chile, Equador, Bolívia, Colômbia e Peru.

A Flybondi é uma das quatro empresas que operam na modalidade low-cost (baixo custo) e requereram processos para operações no Brasil para voos internacionais. A chilena Sky Airline já está operando. A argentina Avian, subsidiaria da Avianca, já possui autorização operacional. O processo de autorização operacional para voos regulares da europeia Norwegian Air está em trâmites finais.

Veja mais: Conheça as companhias low-cost que estão chegando ao Brasil