A Labace reúne jatos executivos, aviões turbo-hélice, monomotores e helicópteros (Divulgação)

A Labace reúne jatos executivos, aviões turbo-hélice, monomotores e helicópteros (Divulgação)

Começa na próxima terça-feira (30), no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo (SP), a Labace 2016 (Latin American Business Aviation Conference & Exhibition), o maior evento de aviação executiva do Brasil e América Latina, que nesta 13º edição vai reunir cerca de 50 aeronaves dos principais fabricantes do setor. A feira é organizada pela ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral) e segue aberta até a próxima quinta-feira (1/9).

Apesar do momento econômico difícil no país, algumas das principais novidades da aviação executiva mundial, incluindo jatos e uma série de novos helicópteros, têm presença confirmada no evento.



Conheça a seguir algumas das aeronaves que vão pousar em Congonhas nos próximos dias:

HondaJet

O celebrado jato executivo da Honda, agora com licença de produção e venda aprovados, será exibido mais uma vez na Labace 2016, após sua estreia diante do público brasileiro na edição passada. Fruto de um longo e complexo processo de desenvolvimento que levou quase 20 anos, a aeronave da empresa japonesa possui algumas diferenças curiosas no design e bom desempenho: pode voar a 782 km/h com até seis passageiros e tem autonomia de 2.234 km.

O HondaJet já acumula mais de 100 pedidos pelo mundo (Honda Aircraft Company)

O HondaJet já acumula mais de 100 pedidos pelo mundo (Honda Aircraft Company)

No Brasil, o HondaJet é oferecido pela Líder Aviação Executiva, e já está à venda: custa cerca de US$ 4,5 milhões. A Líder também tem no seu catálogo os jatos executivos da Bombardier. No entanto, a empresa ainda não confirmou quais outras aeronaves vai exibir na Labace.

Dassault Falcon 8X

Recém-saído da fábrica, o super jato executivo Falcon 8X, da fabricante francesa Dassault Aviation, será a maior novidade da feira em Congonhas. Capaz de voar de São Paulo até Moscou, na Rússia, sem escalas, o jato francês com três motores pode transportar até 19 passageiros a uma velocidade máxima de quase 1.000 km/h.

O Dassault Falcon 8X é um dos jatos executivos mais caros do mundo (Divulgação)

O Dassault Falcon 8X é um dos jatos executivos mais caros do mundo (Divulgação)

É também um dos aviões executivos mais caros do mundo, avaliado em US$ 57,5 milhões. O Falcon 8X compete na categoria dos jatos “ultra-large”, uma das mais apreciadas no Brasil. O trijato francês ainda está em fase de certificação por órgãos aeronáuticos.

Textron Aviation

O grupo Textron Aviation, representado no Brasil pela Tam Aviação Executiva, preparou uma apresentação de gala na Labace. Ao todo, a empresa vai expor sete aeronaves das , com as marcas Cessna e Beechcraft. O jato de porte médio Cessna Citation Latitude será um dos principais produtos no espaço, além dos modelos menores CJ3+ e M2.

O Cessna Latitude pode voar com até 15 passageiros (Divulgação)

O Cessna Latitude pode voar com até 15 passageiros e custa cerca de US$ 16 milhões (Divulgação)

Outros modelos Cessna confirmados são o monomotor Turbo Stationair HD 206 e o turbo-hélice Grand Caravan. Já os representantes da Beechcraft serão o clássico bimotor King Air, na versão 350i, e o Baron, também equipado com dois motores turbo-hélices.

Show executivo da Embraer

A Embraer Aviação Executiva vai levar para a Labace 2016 todo o seu catálogo de jatos, com exceção dos modelos Legacy 600 e Lineage 1000. As principais novidades da fabricante brasileira são os modelos “midlight” Legacy 450 e 500, considerados os mais avançados em suas categorias e os únicos equipados com controles automáticos fly-by-wire.

Os jatos Legacy 450 e 500 são os modelos executivos mais recentes da Embraer (Divulgação)

Os jatos Legacy 450 e 500 são os modelos executivos mais recentes da Embraer (Divulgação)

A fabricante ainda vai apresentar os jatos de pequeno porte Phenom 100 e 300 e o modelo de médio porte e longo alcance Legacy 650, para até 15 passageiros e com autonomia de 7.200 km.

Os modelos da linha Phenom estão entre os jatos executivos mais vendidos do mundo (Divulgação)

Os modelos da linha Phenom estão entre os jatos executivos mais vendidos do mundo (Divulgação)

Labace também tem helicóptero!

Além de jatos, monomotores e turbo-hélices, a 13º edição da Labace ainda vai receber alguns dos mais recentes helicópteros do mercado mundial. A Bell Helicopter, outra marca representada pela Tam Aviação Executiva, confirmou a presença dos modelos Bell 429, 407GXP e o 505 Jet Ranger X, principal novidade da fabricante norte-americana.

O Bell 505 Jet Ranger X é um helicóptero leve para quatro ocupantes (Divulgação)

O Bell 505 Jet Ranger X é um helicóptero leve para quatro ocupantes (Divulgação)

Já a Helibras, que produz sob licença helicópteros do grupo Airbus em Minas Gerais, é outro expositor confirmado. Um dos destaques da empresa será a versão modernizada do modelo H135, helicóptero multi-missão com capacidade para até sete passageiros e velocidade máxima próxima dos 300 km/h.

A Helibras vai apresentar a versão modernizada do modelo H135 (Divulgação)

A Helibras vai apresentar a versão modernizada do modelo H135 (Divulgação)

Mais informações sobre preços de ingressos e programação da Labace 2016 no site da ABAG.