O AH-1 Skyraider e sua arma "bioquímica" (Domínio Público)

O AH-1 Skyraider e sua arma “bioquímica” (Domínio Público)

Essa foto com o avião de ataque Douglas A-1H Skyraider “armado” com um vaso sanitário pode parecer mentira, mas é real e ele decolou desta forma. Para celebrar os seis milhões de libras (2.721.554 kg) em bombas lançadas sobre o Vietnã do Norte, pilotos da Marinha dos EUA (US Navy) tiveram a brilhante ideia de lançar uma privada sobre o inimigo.

O avião, com codinome “Paper Tiger II” nessa missão, decolou do porta-aviões USS Midway com sua arma “especial” em outubro de 1965 para atacar objetivos no Delta de Mekong, no então Vietnã do Sul. O aparelho foi conduzido pelo comandante Clarence J. Stoddard, que voou acompanhado de seu ala Robin Bacon


Segundo relato de um controlador de voo que acompanhou o ataque da “bomba-privada”, quando o vaso foi lançado por muito pouco ele não acertou o Skyraider comandado por Bacon, que vinha logo atrás em voo picado (mergulhando). Devido a resistência aerodinâmica e o baixo peso, o objeto caiu de forma descontrolada e assoviando. Após o ataque, os aviões retornaram com segurança ao USS Midway.

O vaso sanitário lançado no Vietnã do Norte havia quebrado dias antes do ataque e seria descartado. Os pilotos então o recuperaram e pediram aos armeiros do porta-aviões para criar uma forma de prende-lo aos suportes de armas nas asas dos Skyraider.

A brincadeira por pouco não causou um acidente (War History)

A brincadeira por pouco não causou um acidente (Domínio Público)

A "bomba-privada" celebrou os 6 milhões de libras em bombas lançadas na Guerra do Vietnã (War History)

A “bomba-privada” celebrou os 6 milhões de libras em bombas lançadas na Guerra do Vietnã

A brincadeira não foi divulgada no porta-aviões e quando a aeronave surgiu no convés de voo com a privada debaixo das asas todos levaram um susto. Passado o ataque e a celebração, os pilotos criaram uma série de piadas para explicar a missão, como a de um ataque bioquímico.

O comandante Clarence J. Stoddard foi o único piloto de Skyraider que conseguiu abater um jato durante a Guerra do Vietnã, um MiG-17. Em 14 de setembro de 1966, Stoddard, porém, acabou abatido por um míssil anti-aéreo e morreu na sequência da queda.


Fonte: War History

Veja mais: Conheça 10 aviões pra lá de estranhos