A Emirates voa com o A380 para mais de 45 destinos, inclusive para o Brasil (Airbus)

A Emirates voa com o A380 para mais de 45 destinos, inclusive para o Brasil (Airbus)

Emirates Airline anunciou a chegada de seu centésimo Airbus A380 para o dia 3 de novembro. A companhia aérea de Dubai, que estreou seus serviços com o quadrimotor em 2008, é atualmente disparado o maior operador do maior avião de passageiros do mundo: a segunda maior frota do A380, da Singapore Airlines, possui 19 aeronaves, enquanto a Lufthansa, em terceiro, opera 14 modelos.

A empresa dos Emirados Árabes voa com o avião gigante da Airbus desde 2008. Nesses nove anos de operação, a companhia calcula ter transportado mais de 80 milhões de passageiros com o “superjumbo” para mais de 45 destinos. O jatos da Emirates voam do Oriente Médio para diferentes pontos na África, Ásia, Oceania, Europa e Américas – o A380 é usado na rota São Paulo – Dubai desde março de 2017.



A Emirates opera o A380 com três configurações de cabine. A que mais transporta passageiros possui apenas duas classes e uma incrível capacidade para 615 assentos. Essa versão é utilizada em rotas de grande demanda e que não têm uma característica claramente corporativa, já que nesta aeronave não existe a 1ª classe – apenas a executiva com 58 assentos, e a econômica, com 557 lugares.

Os outros modelos da companhia possuem três classes diferentes de assentos, incluindo a primeira classe: um para 517 passageiros e outro com capacidade para 489 ocupantes, versão que opera na rota entre Dubai e São Paulo. Obviamente, é o maior avião de passageiros em operação no Brasil. O segundo é o Boeing 747-8 da Lufthansa, com capacidade para 364 passageiros, operado nos voos de Frankfurt para São Paulo e o Rio de Janeiro.

E a encomenda da Emirates pelo A380 ainda vai longe. A empresa tem uma programação para receber da Airbus mais 42 unidades da aeronave. O quadrimotor hoje é responsável por quase um terço das operações da companhia. O restante da frota do grupo é composta por mais de 140 jatos Boeing 777, incluindo os modelos da divisão de cargas Emirates SkyCargo.

O serviço de bordo da Emirates no A380 é considerado um dos melhores do mundo (Airbus)

O serviço de bordo da Emirates no A380 é considerado um dos melhores do mundo (Airbus)

10 anos de A380

O Airbus A380 vai completar nesta semana 10 anos de operações comerciais. A aeronave que se transformou no maior avião de passageiros da história estreou no dia 10 de outubro de 2007, com a companhia Singapore Airlines, de Cingapura. A Emirates foi o segundo operador do modelo, a partir de 2008.

O aniversário de uma década do A380 também coincidiu com o momento em que a frota do modelo da Airbus superou a de jatos Boeing 747 ainda ativos no transporte de passageiros, encerrando um reinado do clássico jato norte-americano na aviação comercial que durava desde a década de 1970.

O A380 voa atualmente com 13 companhias aéreas da Europa, Oriente Médio, Ásia e Oceania. A aeronave de grande porte da Airbus pode transportar cerca de 850 passageiros, caso fosse configurada com apenas uma classe de assentos. Tradicionalmente, as versões “mais pedidas” são modelos com capacidades entre 550 e 620 passageiros, distribuídos em três ou até quatro classes.

Veja mais: Airbus crê em demanda para mais de 100 jatos A380 na China