A Ryanair é o maior operador mundial do 737-800 e o maior cliente da Boeing da Europa (Ryanair)

A Ryanair é o maior operador mundial do 737-800 e o maior cliente da Boeing da Europa (Ryanair)

A Ryanair recebeu nesta terça-feira (21) mais um Boeing 737-800 da série “Next-Generation”. Com a aquisição do novo aparelho, a companhia aérea “low-cost” da Irlanda alcançou um marco significativo na aviação: esse é o 450º jato 737-800 NG a entrar na frota da empresa.

A companhia irlandesa é o maior operador mundial do 737-800, com uma frota de 350 aeronaves em serviço. É também a empresa que mais “ocupa” a Boeing com a fabricação desse modelo: desde 1999, a Ryanair recebe em média 25 novos aviões por ano.


A Ryanair ainda tem uma encomenda por mais 80 jatos 737-800 da série atual e mais 100 modelos de nova geração 737 MAX 200, a versão especial do novo 737 com cabine de 200 assentos. Segundo o comunicado da empresa, a meta é alcançar uma frota com 585 aeronaves e transportar 200 milhões de passageiros por ano até 2024.

Em 2016, a Ryanair transportou 119 milhões de passageiros em 1.800 voos diários para mais de 200 destinos.

Do Bandeirante ao 737-800

Fundada em 1985, a Ryanair é considerada nova no mercado, mas sua fórmula agressiva de tarifas de baixo custo a transformou na maior companhia aérea da Europa. E a expansão da empresa se deu justamente com o Boeing 737 NG, encomendado em volumes recordes. Em 1999, a companhia recebeu o primeiro 737-800 de um pedido por 160 unidades. Desde então, a operadora baseada em Dublin se tornou o maior cliente da Boeing na Europa.


Antes de operar o 737-800, a empresa irlandesa iniciou sua experiência com jatos da Boeing com modelos 737-200, da série conhecida como “Original”, a segunda geração do 737, operados entre 1994 e 2005. Mas o início da companhia foi com aviões turbo-hélices: o primeiro voo da Ryanair foi com um Embraer EMB-110 Bandeirante, usado pela empresa entre 1985 e 1989.

A Ryanair iniciou suas operações em 1985 com o Embraer Bandeirante, na rota entre Waterford, na Irlanda, e Londres (Berlin Spotter)

A Ryanair iniciou suas operações em 1985 com o Embraer Bandeirante, na rota entre Waterford, na Irlanda, e Londres (Berlin Spotter)

A Ryanair também operou os turbo-hélices Hawker Siddeley HS 748 e ATR 42, entre 1986 e 1991. O primeiro jato da empresa foi o britânico BAC One-Eleven, operado entre 1987 e 1994.

Veja mais: Boeing revela novo 737 MAX 9