O primeiro A320 americano será entregue a companhia Spirit Airlines (Airbus)

O primeiro Airbus A320 fabricados nos EUA foi entregue à Spirit Airlines (Airbus)

Mais uma companhia aérea “low-cost” está de olho no mercado brasileiro. O nome da vez é a Spirit Airlines, atual sétima maior empresa aérea dos Estados Unidos – transportou mais de 24 milhões de passageiros em 2017´.

Em entrevista ao Flight Global, Robert Fornaro, presidente da Spirit, disse que a companhia continua aberta para adicionar um novo tipo de aeronave à sua frota, hoje composta por cerca de 120 jatos da família Airbus A320. O executivo também não descartou a aquisição de aviões da Boeing ou mesmo da Embraer. A decisão será tomada nos primeiros meses de 2019, disse Fornaro.



O tipo de aeronave que mais interessa à companhia são os narrowbodies de longo alcance. De acordo com Fornaro, a empresa vai avaliar o desempenho do Airbus A321LR e o modelo mais recente A321XLR, bem como os novos 737 MAX. Como explicou o presidente da companhia, aviões dessa categoria podem permitir a Spirit “se expandir para lugares como cidades no Brasil”.

“Imagino um cenário a longo prazo onde estamos operando aviões de um corredor (narrowbodies). Precisamos saber quais são as opções”, afirmou Fornaro.

O presidente da Spirit Airlines também comentou sobre o potencial do Airbus A220 (ex-Bombardier CSeries), que poderia ser utilizado pela companhia em rotas com menos de 1.850 km para cidades secundárias.

“Queremos ter um avião que faça missões relativamente menores. Nosso plano é criar uma frota que ofereça muita opcionalidade”, finalizou Fornaro.

Além de atender o mercado doméstico, com quase 40 destinos nos EUA, a Spirit Airlines também conta uma série de voos internacionais para países na América Central e do Sul.

Veja mais: Gol voará para Cancún, no México, em 2019