Bombardier Global 7000: maior jato executivo do mundo (Divulgação)

Poucos dias depois de ser palco do maior atentado com arma de fogo nos Estados Unidos, a cidade de Las Vegas retomou sua rotina com os inúmeros eventos que sedia. Um deles é o NBAA, a maior feira de aviação executiva do mundo. Nesta edição, uma presença marcante, o Global 7000, maior jato executivo do mundo nos dizeres da sua fabricante, a Bombardier.

O quarto protótipo do jato, conhecido como “O Arquiteto”, foi o escolhido para a primeira aparição pública do modelo. A Bombardier prepara ainda o quinto e último protótipo do Global 7000, que terá interior finalizado e será responsável pelos testes finais antes que o jato entre em serviço em 2018.



Mas o que faz o Global 7000 ser tão especial? Segundo a Bombardier, alguns aspectos exclusivos entre eles oferecer a possibilidade de configurar sua cabine com quatro ambientes, além de cozinha e área para a tripulação. Além da sofisticação, o imenso jato também é capaz de atingir um desempenho incomparável.

A aeronave, equipada com dois motores turbofan GE Passport com 16,5 mil libras cada de empuxo, pode transportar até 19 passageiros e decolar de pistas curtas e quentes e atingir até Mach 0,925 (1.133 km/h ao nível do mar). A autonomia é tão grande (13.705 km) que o Global 7000 decolará de Dubai e chegará a Nova York ou partir de Londres e pousar em Cingapura.

Estreia no segundo semestre de 2018

O Global 7000 foi revelado na NBAA de 2010 juntamente como seu irmão mais curto e com maior alcance, o Global 8000 (ainda sem previsão de lançamento). No momento, oito unidades de produção já estão sendo montadas nas instalações da Bombardier em Toronto, no Canadá.

Até aqui, os quatro protótipos acumularam 900 horas de voo, número que deve subir significativamente em breve, com a chegada do quinto avião. Se tudo correr bem, o “maior jato executivo do mundo” começará sua carreira na segunda metade do ano que vem.

Veja também: Embraer lança o Phenom 300E em Las Vegas

O Bombardier Global 7000 na NBAA (Divulgação)