A central de entretenimento da Gol terá conteúdo gratuito e pago (Foto - Gol)

A central de entretenimento da Gol terá conteúdo gratuito e pago (Foto – Gol)

A companhia aérea Gol anunciou nesta segunda-feira (15) que vai equipar todas as suas aeronaves com uma nova plataforma de conectividade via satélite. A tecnologia, ainda inédita no mercado brasileiro, permitirá aos passageiros se conectarem à internet e outros serviços streaming presentes no avião por meio de seus smatphones e tablets.

A implementação do sistema, que exige a instalação de antenas especiais na fuselagem dos aviões, está programada para começar no primeiro semestre de 2016 e deve ser concluída em toda frota, que contempla 140 aeronaves, até o final de 2018.


A solução permitirá aos passageiros o acesso a canais de televisão ao vivo, e incluirá programação “off-line” por streaming com filmes, desenhos, séries, jogos, músicas, mapa de voo de conteúdo pago. “A Gol será a companhia com a melhor experiência de bordo da América Latina, com equipamentos no estado da arte”, contou Paulo Sérgio Kakinoff, presidente da companhia aérea, em reunião com a imprensa nesta manhã.

Como funciona o sistema?

De acordo com a empresa, todos os clientes de voos nacionais ou internacionais terão acesso ao sistema da Gol por meio de uma simples conexão wi-fi com smartphones ou tablets. O conteúdo será oferecido mediante cadastro e serviços extras serão pagos com cartão de crédito. Esse mesmo sistema, desenvolvido pela Gogo, já é utilizado por algumas companhias internacionais que voam para o Brasil, como Delta e Etihad.

A Gol vai instalar o sistema de conexão com satélites em toda sua frota até o final de 2018 (Foto - Gol)

A Gol vai instalar o sistema de conexão com satélites em toda sua frota até o final de 2018 (Foto – Gol)

Para ter acesso a conexão com satélites, a aeronave passa por um meticuloso processo de instalação de antenas pela fuselagem, sendo a maior delas um radome no teto do avião, que a Gogo chama de “antena 2KU”. “Depois de pesquisas com diferentes sistemas constatamos que aparelho da Gogo é o melhor e que oferece melhor estabilidade de conexão”, explica Kakinoff. A reforma dos aviões será realizada no centro técnico da companhia, no aeroporto de Confins (MG).

Segundo Paulo Miranda, diretor de produtos da Gol, a central de entretenimento da companhia terá poucas restrições. “Cerca de 95% do conteúdo da internet está disponível. Os passageiros ainda poderão acessar aplicativos como Facebook e até o Whatsapp durante os voos”, revela. Ou seja, site de filmes e séries, como Netflix ou Popcorn Time, devem ser barrados no sistema da empresa.

O novo sistema ainda precisa de aprovação da ANAC (Agência Nacional da Aviação Civil), mas a direção da Gol acredita que o processo deve receber sinal verde em breve. “Em nossas últimas reuniões a ANAC sempre mostrou um posicionamento pró-desenvolvisionista”, finaliza Kakinoff.