O Sukhoi SportJet será baseado no jato de passageiros SJ100 (Divulgação)

O Sukhoi SportJet será baseado no jato de passageiros SJ100 (Divulgação)

Com uma rotina de treinamentos contínuos, atletas não podem se dar ao luxo de ter um descanso adequado após enfrentar uma longa viagem de avião. Pensando nesses passageiros, a fabricante russa Sukhoi anunciou o desenvolvimento de uma aeronave específica para o transporte de delegações esportivas, o SportJet, baseado no jato de passageiros SJ100. O mock-up da cabine será apresentado no Rio de Janeiro (RJ), na próxima segunda-feira (8).

Como explica a Sukhoi, a aeronave será equipada com instrumentos especiais que podem ajudar a minizar os efeitos do jet lag, desidratação e hipoxia, garantindo melhor rendimento aos atletas depois de um longo voo. A novidade também conta com cabine de massagem, espaço para exercícios, cápsula de check-up médico e poltronas no padrão de classe executiva.


A cabine do SportJet será dividida em quatro zonas diferentes, uma para os membros da equipe, outra para a comissão técnica, uma para a equipe médica e a última para os demais funcionários da delegação.

Mercado de US$ 1 bilhão

Em entrevista ao site Flight Global, Evgeny Andrachnikov, vice-presidente de vendas da Sukhoi, apontou que o mercado mundial de transporte de atletas tem potencial para movimentar US$ 1 bilhão por ano. “O SportJet é um ‘doce’ pedaço de nossa estratégia global de vendas. Atualmente não há nada como ele no mercado e a demanda potencial é enorme”, afirmou.

O SportJet será equipado com uma cabine de check-up médico de atletas (Divulgação)

O SportJet será equipado com uma cabine de check-up médico de atletas (Divulgação)

“É comum que companhias aéreas já estabelecidas no mercado ofereçam serviços de fretamento de aeronaves. A Delta transporta 27 dos 30 times da NBA (liga de basquete dos EUA) com 13 aviões dedicados só para essa função, enquanto a United Airlines transporta equipes da MBL (liga de beisebol americana) e NFL (liga de futebol americano)”, comentou o executivo da Sukhoi.

O avião da Sukhoi para delegações esportivas chega ao mercado em 2018 (Divulgação)

Modelo das poltronas que serão instaladas na cabine do Sukhoi SportJet  (Divulgação)

A fabricante planeja lançar o SportJet até 2018, coincidindo com a Copa do Mundo de 2018, que será na Rússia, e dois anos antes das Olimpíadas de Tóquio, no Japão.

“Viajar pode ser cansativo, o que o coloca em desvantagem quando se joga uma partida fora de casa. Pretendemos mudar tudo isso”, finalizou Andrachnikov.

Veja mais: FAB tem mais de 80 aeronaves de prontidão para as Olimpíadas