A EasyJet é um dos maiores operadores do A320, com mais de 330 aviões na frota (Airbus)

A Airbus celebrou na última sexta-feira (13) a entrega do 9.000° jato da família A320. O avião, um modelo A320neo, foi recebido pela companhia aérea britânica EasyJet, hoje um dos maiores operadores da série, com 331 aparelhos na frota e mais 110 encomendados.

A velocidade com que a Airbus vem entregando jatos de um corredor (narrowbody) nos últimos anos chama atenção. A fabricante levou apenas 10 anos para dobrar o volume de entregas do A320: o modelo número 4.000 foi entregue à TAM (hoje LATAM) em agosto de 2009, enquanto a 8.000° aeronave foi finalizada em fevereiro do ano passado.


A quantidade de jatos A320 entregues pela Airbus também está cada vez mais próxima do volume registrado pela Boeing com o 737, principal concorrente do jato europeu, que soma 10.557 unidades entregues até junho. A fabricante norte-americana entregou recentemente o último 737 NG – as entregas do 737 MAX estão suspensas desde março.

O 737, no entanto, é bem mais antigo que o A320. O jato da Boeing foi introduzido na aviação comercial em 1968, enquanto o modelo da Airbus estreou quase 20 anos depois, em 18 de abril de 1988 com a Air France.

O A320 foi o primeiro jato comercial de um corredor equipado com sistemas de controle fly-by-wire (comandos eletrônicos), tecnologia antes restrita a aeronaves de combate e o A300, da própria Airbus. Esse recurso hoje está presente nas aeronaves mais recentes da Boeing, como o 787, e também nos jatos da Embraer. O 737, por outro lado, ainda utiliza comandos mecânicos.

Produção frenética


Principal produto da Airbus, o A320 e suas variantes são atualmente os aviões comerciais com a maior taxa de produção do mundo. A fabricante finaliza mais de 50 aeronaves por mês em fábricas na Alemanha, França, China e Estados Unidos. Na próxima década, esse volume mensal será ampliado para mais de 60 aviões para atender a demanda crescente das companhias aéreas.

O A320 voou pela primeira vez em 22 de fevereiro de 1987 (Airbus)

Dos 9.000 jatos A320 produzidos pela Airbus, cerca de 8.500 permanecem em serviço com quase 300 empresas aéreas ao redor do mundo. No Brasil, o jato europeu é operado pelas companhias LATAM e Azul.

A Airbus tem hoje 5.825 aeronaves narrowbody encomendadas. Além de pedidos pelos modelos mais recentes da série A320neo, introduzidos em janeiro de 2016, esse montante inclui os últimos pedidos pelos A320 da primeira geração (8 jatos A319, 33 A320 e 57 A321), que podem ser concluídos até o final deste ano e início de 2020.

Veja mais: Azul recebe primeiro jato Embraer E195-E2 do mundo