A TAM será a primeira companhia da América do Sul a receber o A350. Azul e Avianca também encomendaram o modelo (Foto - Airbus Group)

A TAM será a primeira companhia da América do Sul a receber o A350. Azul e Avianca também encomendaram o modelo (Foto – Airbus Group)

Considerada a aeronave de passageiros mais eficiente da atualidade, o Airbus A350 XWB (versão de alcance estendido) chegou nessa terça-feira (7) ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Essa foi a segunda vez que o modelo pousou no Brasil, dando início ao período de demonstração do avião pela América Latina – a primeira passagem ocorreu em agosto do ano passado. O A350 ainda vai passar por Campinas e Bogotá, na Colômbia, e depois segue para os Estados Unidos.

A Airbus promoveu um voo de demonstração com executivos e autoridades a bordo, processo que será repetido em todas as cidades onde a aeronave pousar. Nessa primeira demonstração em São Paulo estiveram presentes executivos das companhias TAM, Azul e Avianca, que serão os operadores do A350 no Brasil.


A TAM será a primeira companhia desse grupo a receber o A350 XWB, previsto para o final deste ano. Ao todo, a companhia encomendou 27 unidades do novo aparelho da Airbus. Já a Avianca pediu 10 modelos e a Azul outros cinco.

O A350 exibido em São Paulo veio configurado com cabine de duas classes, com 42 assentos de classe executiva e outros 210 bancos na econômica, organizados em fileiras de nove assentos.

Veja mais: Jardim especial reduz pela metade ruído de aeroporto

O grande atrativo do A350 para as empresas aéreas é sua economia de até 25% de combustível comparado a aeronaves da geração anterior (Foto - Airbus Group)

O grande atrativo do A350 para as empresas aéreas é sua economia de até 25% de combustível comparado a aeronaves da geração anterior (Foto – Airbus Group)

Economia de combustível

O Airbus A350 faz parte de uma nova geração de aviões comerciais. Essa nova “linhagem” conta com fuselagens e asas construídas em fibra de carbono, controles automáticos e, o mais importante para uma empresa aérea, possui motores de baixo consumo de combustível. Segundo a Airbus, a redução é de até 25% comparado a performance de aeronaves da geração anterior.

Com 63,8 metros de comprimento, o A350 XWB (ou A350-900) será uma das maiores aeronaves em operação no Brasil em porte e capacidade de passageiros. O modelo, segundo dados oficiais da Airbus, pode acomodar até 440 passageiros em duas classes e pode viajar por uma distância de 14.350 km a velocidade de cruzeiro de 903 km/h (velocidade máxima de 945 km/h) a 13.100 mil metros de altitude.

O A350 também vai visitar os aeroportos de Campinas e Bogotá, e depois segue para um tour pelos EUA (Foto - Airbus Group)

O A350 também vai visitar os aeroportos de Campinas e Bogotá, e depois segue para um tour pelos EUA (Foto – Airbus Group)

A Airbus afirma já ter recebido 781 pedidos firmes de 40 clientes pelo novo A350. Até o momento, existem oito aparelhos em serviço com a Qatar Airways e a Vietnam Airlines. O principal concorrente da modelo é o Boeing 787 Dreamliner, aeronave que também possui elementos de última geração que ajudam a reduzir o consumo de combustível e melhorar o conforto a bordo.