O primeiro E190-E2 da Air Astana exibe a pintura de um Leopardo das Neves, felino nativo do país (Embraer)

O primeiro E190-E2 da Air Astana exibe a pintura de um Leopardo das Neves, felino nativo do país (Embraer)

A companhia aérea Air Astana, do Cazaquistão, apresentou nesta sexta-feira (14) seu primeiro jato Embraer E190-E2 em uma cerimônia realizada em Astana – o avião já está no país na Ásia Central desde o início deste mês. A empresa ainda vai receber mais quatro aeronaves, todas arrendadas pelo grupo AerCap, que serão entregues até o último trimestre de 2019. A estreia do avião em rotas domésticas e da Comunidade dos Estados Independentes (ex-repúblicas soviéticas) acontece no final deste mês.

“Todos nós da Air Astana estamos contentes em receber nosso primeiro E190-E2, e ansiosos para uma entrada em serviço suave e uma transição simples para nossos pilotos. Conhecemos bem os E-Jets da Embraer e temos grandes expectativas para a nova geração de aeronaves em termos de eficiência operacional, impacto ambiental e níveis de conforto e conveniência para nossos clientes”, disse Peter Foster, presidente da Air Astana.



A companhia cazaque possui atualmente nove jatos E190, sendo que o primeiro deles foi entregue em 2011. Esses aviões serão substituídos gradualmente pelos novos E2 encomendados.

O primeiro E190-E2 da Air Astana ainda foi customizado com a pintura de um “leopardo das neves”, desenhado e pintado a mão pela Embraer seguindo o mesmo estilo visto nos protótipos “Profit Hunter”, que já apresentaram figuras de águia, tigre e mais recentemente um tubarão.

A pintura especial aplicada na aeronave da Air Astana foi elaborada para chamar atenção para a ameaça de extinção enfrentada pelo leopardo das neves. O felino selvagem é um símbolo oficial do Cazaquistão e vive nas montanhas do sul do país.

O novo E190-E2 é 17,3% mais eficiente em consumo de combustível comparado ao primeiro E190 (Embraer)

O novo E190-E2 é 17,3% mais eficiente em consumo de combustível comparado ao primeiro E190 (Embraer)

“Nossos passageiros, funcionários e, na verdade, todos no Cazaquistão apreciarão a incrível representação do leopardo das neves em nosso novo jato. O leopardo das neves incorpora a resiliência e a ambição de nossa nação, e todos nos esforçamos para salvar essas magníficas criaturas da extinção e para a posteridade”, comentou o presidente da Air Astana.

A companhia do Cazaquistão é o segundo cliente do E190-E2, que estreou na aviação comercial em abril deste ano com a Widerøe, na Noruega, que já conta com três jatos na frota. O avião de nova geração da Embraer também está programado para ser entregue ainda neste ano à Fuzhou Airlines, da China.

Veja mais: Conheça os maiores aviões que voaram com empresas do Brasil