O painel do Gripen destinado ao Brasil é bem diferente da versão escolhida pelos suecos (Divulgação)

O painel do Gripen destinado ao Brasil é bem diferente da versão escolhida pelos suecos (Divulgação)

O primeiro protótipo do painel panorâmico do caça Gripen NG destinado a Força Aérea Brasileira (FAB) foi entregue à Saab dentro do cronograma de desenvolvimento da aeronave. O equipamento, chamado WAD (Wide Area Display – Display de Área Ampla) foi desenvolvido pela AEL Sistemas, empresa baseada em Porto Alegre (RS).

O display fabricado no Brasil é o “Modelo B”, um painel de testes com uma tela única e ampla reunindo todas as informações de voo e equipamentos para orientação dos tripulantes da aeronave. Essa versão é diferente do modelo desenvolvido para o mesmo caça encomendado pela força aérea da Suécia, com formato tradicional distribuído em três telas separadas.

Segundo a AEL, o protótipo do painel entregue ao fabricante sueco contém toda a mecânica e hardware finais para uso em laboratório, simulador e aeronave em testes de solo. Com o equipamento em mãos, a Saab agora dará continuidade às atividades de desenvolvimento de software e sistemas para integração com a aeronave.

“Estamos orgulhosos de entregar os protótipos dentro do cronograma e com qualidade, permitindo que os engenheiros da Saab avancem no trabalho de integração para a aeronave. Este fato evidencia o compromisso da AEL com a Saab e a Força Aérea Brasileira (FAB) para fornecer a próxima geração de cockpit para a próxima geração de caças”, afirma Sérgio Horta, presidente da AEL.

WAD

Como explica o fabricante gaúcho, o WAD é um sistema com tela panorâmica (48,2 cm x 20,3 cm) de alta resolução, que permite exibir uma imagem contínua e redundante em toda a sua extensão, e é capaz de receber entradas de teclas multifuncionais, touchscreen ou interfaces externas. É a principal fonte de todas as informações de voo e missão na cabine de piloto.

O painel panorâmico do Gripen NG da FAB será fabricado pela AEL Sistemas, em Porto Alegre (Divulgação)

O painel panorâmico do Gripen NG da FAB será fabricado pela AEL Sistemas, em Porto Alegre (Divulgação)

Atualmente, a única aeronave militar que utiliza um sistema semelhante é o Lockheed Martin F-35, hoje um dos caças mais avançados do mundo. A aeronave já está em operação ou em fase de testes nos Estados Unidos, Austrália, Israel, Itália, Holanda, Noruega e Japão.

O programa de desenvolvimento do WAD para o Gripen NG da FAB começou em janeiro de 2015. O novo programa de sistemas de voo para a aeronave está planejado para ser executado ao longo de cinco anos e inclui o desenvolvimento, a integração e o trabalho de produção, que serão realizados em Porto Alegre (RS), na sede da AEL. A integração do WAD com a aeronave será feita pela Saab e pela Embraer.

A AEL Sistemas também foi escolhida para desenvolver o capacete com display eletrônico (Helmet Mounted Display – HDM) que será utilizado pelos pilotos do Gripen no Brasil.

Veja mais: Saab realiza voo inaugural com o Gripen