A Saratov Airlines é o único cliente da Embraer na Rússia, com jatos E195 (Ruslan Denisnov)

A Saratov Airlines é o único cliente da Embraer na Rússia, com jatos E195 (Ruslan Denisnov)

A Embraer recebeu nessa quarta-feira (12) a homologação da agência federal de transportes da Rússia para os jatos E170 e E175. A certificação libera companhias aéreas do país para adquirir e operar comercialmente as duas aeronaves. Os outros modelos da família E-Jets, E190 e E195, já foram certificados no país.

“Esta certificação abre novas oportunidades para os dois tipos de aeronaves, que atingiram sucesso significativo em outras regiões do mundo”, disse John Slattery, presidente da Embraer Aviação Comercial. “Atualmente, há na Rússia mais de 400 aeronaves na categoria de 30 a 130 assentos com uma média de idade superior a 20 anos, o que as torna candidatas naturais à substituição nos próximos anos. Estou confiante de que muito em breve veremos o E170 ou E175 voando nos céus da Rússia”, completou.

Os E-Jets ainda são raros no mercado russo. Apenas uma empresa do país, a Saratov Airlines, voa com jatos da fabricante brasileira, o E195. Por outro lado, os jatos da Embraer têm forte presença em países vizinhos da Rússia ou próximos, como Finlândia, Bulgária, Ucrânia, Cazaquistão e Azerbaijão.

Veja mais: Gol anuncia codeshare com a Emirates